terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Sofrimento


Existem várias formas de sofrimento. De facto, podemos magoar de várias maneiras, mas aqui eu quero falar de um sofrimento saudável; aquele que antecede uma conquista. Na verdade, esse tipo de sofrimento é saudável porque nos irá vai permitir, quando alcançarmos o objectivo que pretendíamos, dar mais valor à nossa conquista. Em rigor, o sofrimento pode ser um meio de valorização, ou seja, um processo de valorização de uma conquista, pois, depois de a alcançarmos, o sentimento de que o sofrimento valeu a pena é indescritível.  De facto, há caminhos sinuosos que nos tornam mais fortes.

13 comentários:

erica disse...

Pois é meu amigo, é o chamado desafio!
Qto maior o desafio, maior o interesse. E todo o desafio é conjugado com sofrimento... Qto maior um, maior o outro, por vezes!

Um beijinho gde

Susana disse...

Olá Ricardo,

que lindo texto, e como sempre muito verdadeiro, tu tens o dom da palavra, incrivel as tuas capacidades, parabens.



Beijinhos
Susana

Ricardo Veloso disse...

Olá Erica
Muito obrigado amiga pelo teu comentário. É bem verdade que grandes desafios trazem grandes resultados e, por vezes, para conseguirmos grandes vitórias temos que passar por grandes "dores". No entanto, esse sofrimento faz-nos crescer e, como tal, deve ser encarado como positivo.
Beijokas

Ana disse...

Ola ricardo!
Tens toda a razão... mas eu nao posso falar muito no sofrimento saudavel poque ainda nao tive muitas oportunidades de senti-lo...
adorei o texto parabens.
bijinhos

Menina do cantinho disse...

Olá!
Tudo bem?
Bem verdade, esse sofrimento que antecede uma conquista esclarece-nos também todas as dúvidas que possam existir acerca da importância que essa conquista pode ter para nós.
Também considero saudável, e quanto a mim só me faz agarrar ainda mais esse objectivo.

Beijinhos*

Ricardo Veloso disse...

Olá Ana
Tudo bem?
Muito obrigado pelo comentário. Haverá seguramente oportunidades na tua vida para experienciares o sofrimento saudável, embora eu ache que isso já se sucedeu, quando nasceu a tua princesa!
Beijinhos

Ricardo Veloso disse...

Olá Menina do Cantinho
Concordo contigo. É bem verdade que esse sofrimento esclarece dúvidas e enche-nos de confiança para enfrentarmos o futuro com tranquilidade. Tu passaste por isso, e por isso entendes perfeitamente o que te digo.
Beijinhos

Anónimo disse...

Ola Ricardo!
Sim tens razão quando a matilde nasceu foi um sofrimento saudavel e muito feliz sem duva alguma...
Mas nao me estava a referir a esse tipo de sofrimento:)...
beijinhos

Ricardo Veloso disse...

Ola amiga
Então a que sofrimento te referes? A Matilde é algo bom na tua vida, isso eu sei, mas então a que tipo de sofrimento te referes?

Anónimo disse...

Ola Ricardo!
Estou a referir-me ao sofrimento de perda de alguem, de pensar que podia ter feito mais para mudar as coisas que podia ter ajudado mais tudo seria diferente mas o tempo infelizmente nao volta atras e temos que viver com esse sentimento de culpa de remorço perda por nos proprios termos ficado de braços cruzados...
Este sim é o sentimento que ja vivi e sei como ninguem falar nele.
Beijos

Ricardo Veloso disse...

Olá amiga
De facto, é duro perceber que alguém poderia ter feito mais. Concordo plenamente. Porém, será que ao "cobrarmos" isso, não estaremos a ser irrealistas no que diz respeito às expectativas que depositamos nos outros?
Beijinhos

Jonathan Marins da Silva disse...

Fala amigão! Gostei do seu blog. Também tenho um de nome parecido! Está muito bom! Parabéns!
Abraços,
Jonathan

Ricardo Veloso disse...

Fala Jonathan
Obrigado pela tua visita ao meu blog. Muito obrigado pelos elogios.
Tens que me dar o nome do teu blogue para eu visitar e comentar.
Abraço