terça-feira, 29 de setembro de 2009

Para quê prepararmo-nos para o sofrimento?

Ele existe e sempre existirá. Não é algo que possamos controlar e, muitas vezes, apanha-nos desprevenidos. Mas temos que lhe mostrar que também somos capazes de o surpreender, para o fazermos basta mostrarmos que somos capazes de superar e, talvez ficar "feliz" pelo sofrimento causado, pois cada dor traz consigo aquilo que se chama de aprendizagem.

Não nos devemos preparar para o sofrimento, nem para as surpresas, porque eles fazem questão de nos apanhar desprevenidos, pois quanto mais nos preparamos, mais surpreendidos somos!

E a vida é "muita" para ser desperdiçada!

7 comentários:

Susana disse...

Esplêndido, simplesmente LINDO

Beijinhos

Susana disse...

Esplêndido, simplesmente LINDO

Beijinhos

Adriana Veloso disse...

:)

Cheira-me que conheço esse texto!
Ladrão :P

MARY disse...

se não houvesse sofrimento nem surpresas a vida seria um tédio!! que seca! é sempre necessário uns altos e baixo pra tornar tudo mais apetecivel! Bora à luta!

Ricardo Veloso disse...

Sem dúvida Mary e tu sabes que eu luto:-).
Beijokas

Diana disse...

Olá...

Eu diria que a vida é pouca para ser desperdiçada a pensar no que nos pode fazer sofrer. A vida é pouca para quem não a sabe viver. E nesta vida devemos viver o presente, mas sem comprometer/estragar o futuro...

Bjitos

Ricardo Veloso disse...

Diana,

Acho que é uma questão de sabermos ser sensatos com a vida, vivendo-a dia a dia. Nem no ontem, nem no amanhã, sem esquecer o passado e sem ignorar o futuro.

Bjs