domingo, 22 de novembro de 2009

In peace

As palavras encravam na minha mente. Os pensamentos invadem a minha Alma. Sei que tenho de escrever, embora não saiba o quê. Há momentos na vida em que à primeira vista não existe uma justificação para as nossas acções, para os nossos impulsos, para os nossos sentimentos.
De facto, a ausência de razões parece justificar o sentimento de bem-estar que invade o meu corpo, a minha mente e sobretudo a minha Alma.
Na verdade, há momentos assim. Momentos que nos deixam: serenos, tranquilos, confiantes e que nos fazem deslizar pela vida, aproveitando cada momento, cada minuto, cada segundo com naturalidade. Hoje estou feliz, feliz apenas por que existo…

15 comentários:

Menina do cantinho disse...

A nossa existência deveria ser sempre um motivo de felicidade.
Por vezes achamos que não e tudo nos cai nos pés, ficando em pedacinhos
Pedacinhos esses que lhes podemos dar 2 destinos. Ou guardamos e decidimos reconstitui-los porque realmente são importantes ou então deitamos simplesmente fora.
Com a última escolha podemos ficar vazios de sentimentos, mas algo nascerá nesse sitio e encontraremos as justificações para todos os actos.


A sua existência não faz só parte da sua felicidade, mas de muitos mais também.(Faço parte da lista e c/ orgulho)

Beijinhos

Susana disse...

Olá Ricardo

lindo texto... deixo aqui o meu desejo expresso para que essa paz e todos esses sentimentos tão bons sejam uma constante na tua alma, no teu coração...

Beijinhos

Ricardo Veloso disse...

Ola menina
Concordo plenamente contigo. De facto, os sentimentos são o que de mais importante temos na vida. Eles são a linguagem da Alma.

Ricardo Veloso disse...

Olá Susana
Os teus desejos tocam-me profundamente, na medida em que a nossa amizade aumenta a cada dia, além de termos vindo a perceber que partilhamos muitas ideias.
Beijinhos

Adriana Veloso disse...

Esta cede de escrever...
Palavras perdidas no vento, tudo o que te vem á cabeça tem a ver com aquela fonte de inspiração q qeres esquecer! Aqui começas a pensar em ti, dar valor a ti proprio, gostar de ti. :D

Qando aprendems a viver connosco proprios, existem muitos mais momentos de calmitude, muitas mais virtudes se aproximam...

Ganhamos assim, a tão desejada paz de espírito que tanto procuravamos, e qe está simplesmente dentro de cada um de nós!

beijinho padrinho :D

Ricardo Veloso disse...

Filipa
Ter a tua presença é sem dúvida a maior riqueza da minha vida. Amo-te com todas as letras e sem reservas.
Beijo do padrinho.

Susana disse...

Olá Ricardo,

Ainda bem que existes...de facto a tua existencia é motivo de felicidade para muitas pessoas, porém, essa felicidade deve partir de ti mesmo...Só tens motivos para sorrir, para o olhar o sol de todos os dias e as estrelas de todas as noites e sentires no teu coração uma paz imensa recheada de amor e felicidade... O Universo precisa de pessoas como tu, nós precisamos de pessoas como tu... Nunca deixes de ser quem és, nunca nos prives destes textos maravilhosos. E acima de tudo todos os dias ao teu acordar e ao teu adormecer guarda no teu coração a certeza de que és um ser humano fantástico que irradia simpatia por este mundo fora e que existe imensa gente que de uma maneira ou de outra te adora, mesmo sem tu imaginares mesmo sem tu sonhares...

Ricardo Veloso disse...

Susana
As tuas palavras fazem-me corar. De facto, com esse apoio é quase impossível deixar de escrever, ainda que muitas vezes não ache os meus textos nada de especial.
Obrigado pela tua amizade, pelo teu carinho e, já agora, pelos textos que nos dás no teu blogue, onde aprendo muito.
Bjs

Susana disse...

Olá Ricardo,

fico feliz se de alguma forma toco a tua sensibilidade com os meus comentários, contudo, estes são o reflexo que os teus têm em mim quando desfruto da sua leitura... Não é minha intenção fazer-te corar, mas sobretudo, transmitir-te toda a minha admiração e carinho... Se eu conseguir ter a capacidade para te fazer sorrir já é uma vitória para mim... O meu objectivo nesta vida é transmitir paz, serenidade, afecto por todos os seres que se vão cruzando neste mundo confuso... e tu és um ser muito especial que as novas tecnologias me facultaram conhecer...

Beijinhos

Ana guerreiro disse...

Ola ricardo... indentifico-me muito com tudo o que dizes neste pequenino texto. Parabens adoro teus textos beijos grandes.

Ricardo Veloso disse...

Ola Ana
Tudo bem?
Em primeiro lugar quero agradecer a tua amabilidade de comentares os meus textos, neste caso, pela primeira vez.
De facto, os comentários dão-me força e inspiração, mas sobretudo dão-me motivação para continuar a publicação de textos.
Beijos e muito obrigado pelo apoio.

Ana guerreiro disse...

Ola ricardo é verdade foi a primeira vez que deixei comentario mas nao foi a primeira vez que vim visitar o teu blog não tenho muito jeito para escrever deixo isso para a minha irmã que adora escrever e consegue transmitir tudo o que sente atraves das palavras.
beijinho

Ricardo Veloso disse...

Olá Ana
De facto, a tua irmã já me tinha dito que visitavas o meu blogue e que não o comentavas. No entanto, os comentários, por mais simples que sejam dão-me força para continuar a publicar textos e escrever.
Obrigado pela força.
Beijinhos

meninadonorte disse...

UAU!AMEI!

Ricardo Veloso disse...

Olá Menina do Norte
Penso que é a primeira vez que comentas o meu blog. Muito obrigado pela visita e pelo comentário.
Espero que continues a visitar e a comentar o blogue.
Beijinho