terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Coisas da vida



Todas as histórias têm um fim e nem todas têm um fim bonito. Hoje, estou triste e deprimido. A razão é a habitual: algo falhou!
De facto, a vida traz-nos vitórias e derrotas. No entanto, o peso das derrotas é cada vez maior e começa a tornar-se insuportável, pois as pequenas vitórias alcançadas começam a não suportar o peso de derrotas tão duras.
Posto isto, a confiança fica naturalmente abalada e começo a questionar este caminho. Sei que ele que me levará ao sucesso, apenas não sei se posso ou quero continuar neste caminho tão duro por muito mais tempo. Talvez seja tempo de mudar de direcção.
Porém, ao levantar a hipótese de mudar de direcção surge na minha mente a palavra derrota. Dou por mim a meditar sobre ela. Não, não perdi. De facto, ainda não ganhei ou conquistei o que pretendia neste caminho, nesta situação em particular, mas já conquistei muitas pequenas vitórias. Mesmo sem alcançar o objectivo principal já ganhei muitas coisas.
Ao constatar estes sucessos, as estruturas mais básicas fortalecem-se. Os pilares estão agora capazes de suportar mais derrotas, mais peso, pois a confiança foi reforçada após esta análise.
Na verdade, como sempre digo: é sempre mais fácil acreditar quando nada nos faz duvidar. Este jogo ainda não terminou e, como tal, tenho claras hipóteses de ganhar. Então, em vez de me render às evidências uso as minhas energias para encontrar estratégias que me irão conduzir ao objectivo inicial e irei alcança-lo. As coisas da vida mudam a cada segundo, mas estou certo que irei ganhar…
Por que é mais fácil duvidar, vou continuar a acreditar!

14 comentários:

Adriana Veloso disse...

Sairão novos textos concerteza, tenho é de mudar a fonte de inspiração -,-

Susana disse...

Olá Ricardo,

A vida é repleta de batalhas ganhas e outras tantas por ganhar, o mais importante é sabermos quais os objectivos a atingir, e depois é lutarmos com todas as nossas forças e entrega. Tu és um vencedor, com certeza que este teu estado foi uma leve brisa de vento que te deixou assim...

Beijinhos:)

Susana

Ricardo Veloso disse...

Ola Adriana
Por vezes, temos momentos em que a inspiração precisa de descanso. Estou certo que voltarás mais forte.
Beijinho

Ricardo Veloso disse...

Olá Susana
De facto, a vida é feita de altos e baixos, de conquistas e derrotas, mas as contas só se fazem no fim. Apesar das quedas, devemos ter coragem de enfrentar a vida de olhos bem abertos e de frente. Essa postura torna-nos mais fortes.
Beijinho

Menina do cantinho disse...

Olá!
Fantástico texto mais uma vez. Parabéns!

É bem verdade que é mais fácil acreditar quando nada nos faz duvidar. Caímos imensas vezes no erro de não questionar nada, sabemos que isso pode pôr em causa a ideia que temos.
Ignoramos diversas situações, porque sabemos que nos iriam afectar. Preferimos então não saber.

Penso que o melhor caminho é acreditar sempre na vitória, consciente dos obstáculos e das pequenas derrotas que eventualmente poderão aparecer.

Boa sorte nas caminhadas que tem pela frente.

Beijinhos

Ricardo Veloso disse...

Ola Menina
Tudo bem?
Muito obrigado pelo teu apoio e pelas palavras de incentivo.
De facto, é bem verdade que é mais fácil acreditar quando nada nos faz duvidar, mas devemos sempre acreditar naquilo que fazemos, independentemente das circunstâncias.
Beijinho

Adriana Veloso disse...

Just because I'm losing doesn't mean I'm lost.

Sente apenas o sabor do momento, nao importa se irás cair, pelo menos, saberás que tens o sabor do verbo viver na tua boca.

Ricardo Veloso disse...

Olá Princesa
Eu estou preparado para cair e preparado para me levantar, pois a vida é assim mesmo: feita de altos e baixos.
As quedas, quando bem geridas, tornam-nos mais fortes.
Beijinhos

Menina do cantinho disse...

Olá!
Dei-lhe um desafio no meu cantinho.

beijinhos

Ricardo Veloso disse...

Olá
Irei ver já e aceitar, quase de certeza!
Beijo

Adriana Veloso disse...

Estou feliz por ter mudado os caminhos (:
Estou feliz por deixar para trás tudo o que nao era bom o suficiente... e aproveitar para crescer enquanto pessoa. :)

Ricardo Veloso disse...

Ola princesa
Tudo bem? Fico feliz por me dizeres isso, afinal é tudo uma questão de escolhas. Tinha-te dito que terias que definir aquilo que querias para a tua vida e que era importante fazeres essa escolha por ti mesma, não por mais ninguém. A melhor forma de crescimento é sermos nós os senhores da nossa decisão!
Beijinho

Susana M disse...

Será que escolheriamos o caminho mais fácil se podessemos??? Apesar da vida ser um mar cheio de momentos altos e baixos tudo isso faz nos crescer e dar valor as pequenas coisas e assim também nos preparar para as coisas grandes que estão guardadas para nós. Continuar acreditar já é sinal de grande coragem pois existem sonhos que nunca devem ser esquecidos.
Bjs

Ricardo Veloso disse...

Olá Susana
Muito obrigado pelo teu comentário, o primeiro que registo como sendo teu.
Na verdade, partilho da mesma opinião. De facto, as coisas menos boas da vida devem ser encaradas como uma preparação para as grandes coisas da mesma. Só assim lhe poderemos atribuir o devido valor, penso eu.
Beijos